Verdade ou mentira?

“Correntes no Facebook”

O Facebook tem poder para espalhar de forma rápida mensagens do tipo “corrente” e que podem enganar muita gente. Mesmo informações sem fonte fidedigna ganham popularidade e se propagam como vírus entre os milhões de usuários das redes sociais.

Confira abaixo alguns exemplos e saiba quais delas são verdadeiras e quais devem ser deletadas por serem totalmente mentirosas publicadas no site do Estadão:

1- Mensagem do ar condicionado é falsa

Esta mensagem pede que as pessoas abram os vidros do carro antes de ligar o ar condicionado para evitar problemas de saúde, como câncer e anemia. Sem citar fontes, o texto diz que pesquisas apontam que componentes plásticos do carro, como painéis e dutos de ar, exalam benzeno com o calor a níveis hostis aos seres humanos. Segundo o diretor de Segurança Veicular da Associação Brasileira de Engenharia Automotiva, Marcus Vinícius Aguiar, isto só poderia colocar em risco a vida de um ser humano se o carro fosse exposto a temperaturas extremamente elevadas, e a indicação de manuais para abrir os vidros é para melhorar a eficiência do ar condicionado e não para eliminar o benzeno.

2- Pastora Suzane Von Richthofen é falsa!

O texto diz que Suzane Von Richtofen, condenada pela participação do assassinato dos pais em 2002, teria se tornado pastora, se filiado ao Partido Social Cristão (PSC) e, com a interferência do deputado Marco Feliciano, foi nomeada presidente da Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara de Deputados, em Brasília. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, Suzane atualmente faz trabalhos laborterápicos na Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier de Tremembé, em São Paulo, onde cumpre a pena. Ela foi condenada a 39 anos de detenção em regime fechado, perdeu seus direitos políticos e não pode trabalhar fora da prisão e nem filiar-se a partidos ou ocupar cargos públicos. 

3- A profundidade da Baía de Guanabara é falsa!

A imagem impressiona e caiu no gosto dos internautas. Ela mostra a Baía de Guanabara e tem como referência o morro do Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro. A profundidade na Praia Vermelha, no bairro da Urca, chegaria a 300 metros. A imagem, no entanto, foi criada pelo Estúdio Platinum FMD é totalmente fictícia e sem qualquer base científica para um anúncio da empresa norueguesa Statoil, que tinha como objetivo criar uma representação visualmente impactante da costa do Rio de Janeiro e da extração de petróleo em águas profundas. 

Baia_de_Guanabara

4- Zoológico Humano é verdadeiro!

A imagem do que seria um zoológico humano ganhou várias versões. Em uma delas, o texto explica que há menos de 60 anos teriam existido zoológicos humanos, onde negros, geralmente vindos de países africanos, eram expostos para visitação pública. A foto teria sido tirada em 1958, na Bélgica. Infelizmente, é verdade. De acordo com o professor de Cultura Brasileira no Curso de Comunicação Social da PUC-Rio, Gabriel Neiva, a foto é verídica e realmente existiram os tais “jardins botânicos humanos” em diversos países da Europa, como Alemanha, França e Bélgica. O problema é que a data provavelmente está incorreta. Segundo o professor, a maioria dos zoológicos humanos foi extinta pouco depois da II Guerra Mundial.

Zoologico_Humano

5- Senha para bloqueio do celular é verdadeira!

O texto ensina que o dono de um celular pode ter acesso a um código ao digitar a sequência *#06# como se fosse fazer uma ligação. Com o número em mãos, ele pode pedir o bloqueio do celular à operadora no caso de perda ou furto do aparelho. Segundo a Telefónica, o código se chama International Mobile Equipament Identity (IMEI) e é como um RG universal do aparelho. Se o usuário ligar para as centrais de atendimento das operadores e informá-lo, ele poderá bloquear todas as funções e o acesso ao celular. O IMEI também está presente na nota fiscal do produto.

Fonte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s