Obama e papa lideram popularidade no Twitter

O mundo real ficou pequeno para Barack Obama e o papa Francisco, que são os líderes no mundo virtual do Twitter, que se transformou em um elemento chave para se atingir o público. Obama e o papa são os reis do que um estudo publicado nesta quarta-feira, 24, em Genebra, chamado de “Twiplomacia”.  Já a presidente Dilma Rousseff é citada no estudo como exemplo de mal uso da rede social por ter abandonado o Twitter depois da eleição em 2010 (mais informações abaixo).

O presidente americano é o líder indiscutível dessa rede social, em que sua conta particular (@BarackObama) – com mais de 33 milhões de seguidores – é a mais seguida do mundo, diz o relatório “Twiplomacy 2013″ publicado em Genebra pela empresa de relações públicas Burson-Marsteller.

O domínio da política americana no mundo não para por aí. A conta da Casa Branca (@WhiteHouse) – com quatro milhões de seguidores – é a terceira mais seguida do planeta.

No entanto, apesar de as contas serem seguidas por um terço dos líderes políticos e governos do mundo, Obama não utiliza o Twitter para estabelecer conexões com seus colegas.

“A conta @BarackObama só segue os primeiros-ministros da Noruega, Jens Stoltenberg, e da Rússia, Dmitri Medvedev. @WhiteHouse só segue três líderes mundiais”, afirmou o relatório.

A grande revelação de 2013 foi a utilização do Twitter por parte do máximo representante da Igreja Católica, com a qual tentou dar uma reviravolta nas formas tradicionais da instituição para transmitir sua mensagem.

O perfil @Pontifex, com mais de nove contas em diferentes idiomas, foi aberto em dezembro do ano de 2012 sob o pontificado de Bento XVI; agora, a cargo do papa Francisco, passou a ser a segunda mais seguida do mundo com sete milhões de seguidores.

Além disso, a conta do papa é uma das mais influentes do mundo e seus tweets são retuitados em média 11 mil vezes; enquanto os de Obama são apenas retuitados em média 2.300 vezes, mesmo com cinco vezes mais seguidores.

Em relação ao número de seguidores, em quarto e quinto lugar estão o presidente da Turquia, Addullah Gül, e o primeiro-ministro desse país, Recep Tayyip Erdogan, cada um com mais de 3,4 milhões de seguidores.

Por outro lado, o estudo mostra que mais de três quartos dos líderes mundiais possuem uma conta no Twitter (77,7%) e entre eles, dois terços (68%) estabelecem conexões mútuas com seus colegas.

Brasil.  O estudo também trata do Brasil e cita o perfil da presidente Dilma Rousseff como um exemplo de mal uso das redes sociais. A pesquisa afirma que a experiência de Dilma no Twitter foi apenas uma “aventura”. A presidente, diz o estudo, “é o exemplo perfeito de como os líderes mundiais descobrem o Twitter durante a campanha de eleição e depois abandonam seus seguidores depois que eles os elegem”.

Segundo o estudo, a presidente tinha 200 mil seguidores quando foi eleita em novembro de 2010 e seu último tweet (mensagem) é de dezembro do mesmo ano. “Hoje ela tem mais de 1,8 milhão de seguidores embora não tenha enviado um único tweet desde então”, diz o estudo.

“O seu último tweet, republicado mais de 6 mil vezes diz: ‘Muito legal ser tão lembrada no twitter em 2010. Logo eu,que tive tão pouco tempo p/estar aqui c/vcs. Vamos conversar mais em 2011.’ Seus seguidores ainda estão esperando o restante da discussão…”, afirma o estudo.

Mais seguidos. Entre os líderes mais conectados com outras figuras políticas se destacam o ministro das Relações Exteriores da Suécia, Carl Bildt, seguido pelo Serviço Europeu de Ação Exterior e pelos ministérios das Relações Exteriores de Polônia, Reino Unido e França.

Por outro lado, o primeiro-ministro de Uganda, Amama Mbabazi, é um dos que mais estabelece o diálogo na rede social e responde a 96% dos tweets que o mencionam.

“O documento ilustra como o Twitter e os meios de comunicação social se transformaram em uma parte importante da comunicação dos governos”, declarou o diretor-geral da Burson-Marsteller para Europa, Oriente Médio e África, Jeremy Galbraith.

Apesar da importância que os líderes políticos dão para a comunicação nas redes sociais, ainda continuam utilizando essa plataforma de forma majoritariamente unidirecional. Um total de 42 contas entre as 505 analisadas de 153 países diferentes não seguem nenhum outro perfil do Twitter.

Fonte

Anúncios

São Paulo sem o Minhocão

A seguir, o texto publicado no Estadão online pelo colunista Marcelo Rubens Paiva. Qual é a sua opinião?

São Paulo sem o Minhocão

São Paulo sem o Minhocão

“MINHOCÃO é das obras mais infelizes e horrorosas de São Paulo.

Com o infeliz nome de Elevado Costa e Silva, foi construído pelo então prefeito interventor não-eleito, o jovem engenheiro Paulo Maluf, no começo dos anos 1970, que passou o trator sobre parques, rios e praças, numa intervenção urbanística mal planejada, que destroçou com uma cidade bonita, europeia, modernista.

Como era ditadura, não se pôde protestar contra tamanho absurdo.

A ironia é que o elevado desembocava justamente na EUCATEX, fábrica de móveis da família Maluf.

Degradou a antes glamorosa Av. São João e destruiu a Praça Marechal Deodoro.

Simbólico: a praça em homenagem ao líder do movimento republicano foi atravessada por um elevado com nome de um ditador.

Existe um movimento para demoli-lo.

Como em muitas cidades (Londres, San Francisco, Nova York, Paris, até no Rio de Janeiro), mal planejados elevados foram posteriormente demolidos.

Projeto de Lei transforma o Elevado Costa e Silva num “Parque Suspenso”.

Para quem não sabe, por conta do barulho e poluição, já que atravessa uma densa área residencial, ele fica fechado às noites [à partir das 21h], e aos domingos.

Intervenções já organizaram festivais de comida, até uma piscina.

Mas a verdade é que ele deveria vir abaixo.

Basta checar a imagem de 1942, de Benedito Junqueira Duarte [acervo da Casa da Imagem].

E ver o que a cidade perdeu.”

Comente!

Os gastos que podem ser deduzidos do imposto de renda

1901930_10152169874468953_2060683469_n

Quem apresenta o modelo completo da declaração de imposto de renda pode realizar diversas deduções, mas boa parte delas tem limites.

Para que as deduções sejam válidas, o contribuinte deve guardar os comprovantes até 2020, já que dentro desse período o Fisco pode pedir que essas despesas sejam comprovadas.

Veja a seguir os gastos que podem ser deduzidos no imposto de renda 2014 e seus limites:

Educação

Limite de 3.230,46 reais por contribuinte ou dependente em despesas com ensino técnico, fundamental, médio, superior, pós-graduação, mestrado e doutorado.

Gastos com materiais escolares e atividades extracurriculares, como escolas de línguas ou cursinhos preparatórios, não entram na lista. Os gastos que excederem este limite devem ser informados na coluna “pagamentos efetuados” e não poderão ser deduzidos.

Dependentes

Abatimento limitado a 2.063,64 reais por cada dependente informado na declaração.

Previdência

O contribuinte pode reduzir toda a contribuição destinada ao INSS nem 2013. Também é possível abater o dinheiro investido em previdência privada (PGBL ou fundo de previdência fechado oferecido pelo empregador), desde que o valor não ultrapasse o limite de 12% da renda tributável.

Ainda que seja possível deduzir a contribuição feita ao PGBL em 2013, o IR não deixa de ser cobrado, o desconto é apenas postergado para a data de resgate do plano.

Saúde

Todas as despesas médicas do contribuinte e de seus dependentes podem ser abatidas, independentemente do valor. Alguns exemplos de gastos que podem ser deduzidos são: despesas com planos de saúde, consultas a médicos e dentistas, terapias, cirurgias, internações e até próteses dentárias e ortopédicas.

INSS de empregado doméstico

As contribuições ao INSS de empregados domésticos com carteira assinada – que correspondem a 12% sobre o salário, o décimo terceiro e o terço constitucional de férias – também são dedutíveis, mas valem para um único empregado.

O limite é de 1.078,08 reais e não pode superar 6% do imposto de renda devido.

Fonte

Idosa registra sua luta pela vida através de fotos e compartilha na rede

1017718_666796713357343_1510210042_n

Com 80 anos, Betty Simpson, simpática e irreverente vovó norte-americana, luta contra um câncer de pulmão e, nessa batalha pela vida, encontrou uma divertida forma de registrar a sua vida, conquistando mais de 300 mil seguidores na rede protagonizando fotos bem humoradas.

O perfil, criado pelo seu neto, Zach Belden, de 18 anos, explica que sua ideia é registrar e compartilhar a vida de sua avó, transmitindo uma mensagem positiva de alguém que, apesar das dificuldades, se mantém feliz com a vida.

Fonte

Fotógrafa capta o cotidiano de menina criada por pais viciados em droga

AnotherFamily_interna

Tudo começou em 2008, quando a fotógrafa russa Irina Popova foi desafiada a criar um ensaio sobre sentimentos. Vagueando pelas ruas de São Petersburgo em busca de inspiração, esbarrou em Lilya, visivelmente embriagada, que transportava consigo um carrinho de bebê. Lá dentro ia a filha, Asfina.

A mulher, que Popova viria a saber depois, estava há vários anos dependente das drogas, acabou por convidar a fotógrafa a conhecer o apartamento e o namorado com o qual o partilhava.Pasha, também viciado, é pai de Asfina. Assim nascia o que viria a ser o livro “Another Family”.

Durante várias semanas, Popova captou de forma crua, mas fiel, a realidade dentro daquelas quatro paredes. O apartamento confuso e barulhento, as festas lotadas, os pais dormindo pelos cantos e sob o efeito das drogas e a pequena Asfina, crescendo no meio do caos.

Veja as fotos no site da fotógrafa na galeria Anfisa’s family

 

Fonte

A árvore que sente

A “árvore que sente” muda de humor conforme a qualidade do ar na cidade

arvore_interna

Cada vez mais, novas formas de comunicar os perigos da poluição ao meio ambiente vão surgindo. São opções impactantes e criativas que possibilitam verdadeiras experiências com o receptor da mensagem. E que bom ver que no Brasil isso também acontece. É o caso da “Árvore Que Sente”, em São Paulo.

A ação está sendo realizada no elevado Costa e Silva, o popular Minhocão. Uma projeção 3D na copa de uma árvore exibe expressões que variam de acordo com a qualidade do ar na cidade.  Simples assim: se o ar está bom, a árvore sorri; se ela está triste, é porque as condições no momento não são favoráveis. O índice utilizado para chega até essa conclusão é o fornecido diariamente pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb).

O projeto é do Instituto de Pesquisa Ecológica (IPE) e faz parte da Semana Nacional de Conscientização Sobre Mudanças Climáticas.

Fonte

Que tal arrasar na Páscoa com um pão de cenoura?

401352_479542068780018_1679801785_n

Pão de Cenoura

Para a receita de pão de cenoura você irá precisar de:
– 4 xícaras de cenouras cortadas em rodelas
– 2 ovos
– 1 xícara de água morna
– 2 colheres de sopa de fermento biológico seco
– 3/4 de xícara de óleo
– 1/2 xícara de açúcar
– 1 colher de sopa de mel
– 2 colheres de chá de sal
– 8 1/2 xícaras de farinha de trigoEm uma panela com água cozinhe a cenoura até ficar macia, e então drene a água e bata a cenoura no liquidificador ou em um processador até obter um purê. Se você quiser um sabor mais defumado para o seu pãozinho, pode assar a cenoura no forno ao invés de cozinhar na água. Para fazer no forno, coloque as cenouras em rodelas em uma assadeira e adicione 1 colher rasa de azeite, para besuntar as cenouras. Leve em forno pré-aquecido em 180°C e asse por 15 minutos ou até ficarem macias. Depois é só fazer o purê.

Ainda no liquidificador ou no processador, adicione os ovos e 1/2 xícara de água, batendo até o purê ficar bem cremoso.Numa tigela grande, coloque o fermento biológico seco e o restante da água, mexendo até dissolver totalmente o fermento. Despeje então o purê de cenoura e, na sequência, adicione o óleo, açúcar, mel, sal e 5 xícaras de farinha, misturando e amassando com as mãos. Adicione mais farinha conforme achar necessário até obter uma massa de pão macia e lisa.

Polvilhe a sua bancada com um pouco de farinha e sove a massa por 6 a 8 minutos, para que ela obtenha um pouco de elasticidade. Se você tiver uma batedeira com o(s) gancho(s) para bater massa de pão, também pode usar. Em seguida, coloque a massa em uma tigela grande levemente untada com óleo, cubra com um pano úmido ou um filme plástico e deixe descansar por cerca de 1 hora, para dobrar de tamanho.

Divida a massa em bolinhas pequenas. Com ela é possível fazer 48 pãezinhos, mas a quantidade varia conforme o tamanho das bolinhas de massa. Coloque as bolinhas de massa em uma assadeira untada de óleo e cubra novamente com um pano úmido ou filme plástico, deixando descansar por mais 1 hora. É importante não deixar uma bolinha de massa muito próxima a outra, pois elas vão dobrar de tamanho nesta etapa.

Passada 1 hora, os seus pãezinhos já estão prontos para assar. Para fazer o pão do coelhinho, como é a da ideia da foto, pegue uma tesoura e belisque a massa fazendo as orelhinhas. Em seguida, usando um palito de churrasco faça os olhinhos, apertando a massa.Leve então os seus pãezinhos para assar em forno pré-aquecido a 180°C por 18 a 20 minutos ou até ficarem dourados.

Se achar que são muitos pãezinhos para se fazer de uma única vez, após as bolinhas terem dobrado de tamanho, leve a assadeira para o congelador e deixe os pãezinhos congelarem. Depois de congelados, você pode colocar todos em saco plástico e deixar no congelador para fazer a hora que desejar.